16 de setembro de 2013

Taxista muda versão e é autuado na delegacia


O taxista Uerdem da Silva Amigo, de 24 anos, que havia registrado na delegacia, pela manhã desta segunda-feira, de assalto sofrido no bairro Santa Rita de Cassia, mudou a versão e confessou que forjou o assalto, por ter gastado dinheiro da féria, cerca de R$ 250, em dinheiro.


Os investigadores constataram que o taxista estava mentindo, pois caiu em contradição várias vezes. Ele acabou admitindo que não fora assaltado. Ele foi autuado por falsa comunicação de crime.


Versão anterior


Taxista é assaltado por dois homens e uma mulher


O taxista Uerdem da Silva Amigo, de 24 anos, foi assaltado na madrugada desta segunda-feira, por dois homens e uma mulher, quando voltava de uma corrida ao bairro Açude, em Volta Redonda.


Conduzindo o seu táxi, Cobalt lTH-4810 ele parou para o trio que pediu uma corrida até Santa Rita de Cássia. Segundo o taxista, quando chegou ao bairro, um dos bandidos colocou uma faca em seu pescoço e pediu para que outro assumisse a direção.


Depois de algumas voltas pelo bairro, o bandido que estava ao volante perdeu o controle e bateu num meio-fio, estourando o pneu do carro. Os bandidos fugiram levando cerca de R$ 250 em dinheiro e dois telefones celulares.


Depois de trocar o pneu furado o taxista registrou o assalto na delegacia.


Mais notícias no site: www.destaquepopular.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário