23 de novembro de 2013

Volta Redonda sedia 1ª Parada LGBT


Volta Redonda sedia neste domingo a primeira Parada LGBT. A concentração do evento será a partir das 14h na Praça Brasil, na Vila Santa Cecília, depois o grupo reunido parte pela Rua 33 até a Praça Pandiá Calógeras, em frente à Escola Técnica, onde permanece até às 22h. A animação ficará por conta de DJs convidados. A manifestação, realizada pela Associação Colorindo de LGBT do Sul Fluminense, tem apoio das secretarias municipais de Cultura, Ação Comunitária e de Saúde, da Suser (Superintendência de Serviços Rodoviários), Guarda Municipal de Volta Redonda, governo do Estado do Rio de Janeiro e Polícia Militar.


De acordo com o presidente da associação, Rafael Delgado, o objetivo do evento coincide com o propósito do grupo Colorindo, que é uma ONG regional que trabalha no combate à homofobia e luta pela saúde, direitos e cidadania da comunidade LGBT do Sul Fluminense, desde o dia 29 de outubro de 2012. A parada de domingo servirá, inclusive, para comemorar o primeiro aniversário da ONG.


Ainda segundo ele, Volta Redonda deve reunir cerca de cinco mil pessoas na Vila Santa Cecília. Além dos munícipes e moradores de cidades vizinhas, estão sendo esperados participantes da Região dos Lagos vindos de Cabo Frio e São Pedro da Aldeia, onde Rafael Delgado já morou.


TEMA - "Cidade Cidadã e Sem Homofobia" é o tema do evento, que terá como madrinha a drag queen Yuli Veneno. Para receber os participantes, Rafael Delgado convidou Cláudio Nascimento, que é superintendente de Direitos Individuais, Coletivos e Difusos do Estado do Rio de Janeiro e Coordenador do Programa Rio Sem Homofobia; e a coordenadora municipal da Juventude, Kika Monteiro.


Mais notícias no site: http://www.destaquepopular.com.br/10705/Volta-Redonda-sedia-1-Parada-LGBT.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário